TV digital define interatividade como meta para 2010

Fórum do Sistema Brasileiro de TV Digital acredita que recurso esteja disponível no mercado nacional ainda no primeiro semestre.

No dia 2 de dezembro de 2007 a TV digital estreava no Brasil envolta em expectativas e promessas. Exatos dois anos depois, o sistema colecionou alguns avanços no mercado brasileiro, mas ainda precisa vencer inúmeros desafios até que esteja plenamente disseminado  no País.

Dados do Fórum do Sistema Brasileiro de TV Digital apontam que cerca de dois milhões de receptores de sinal de TV digital foram comercializados no País. A área coberta pela tecnologia chega a 26 cidades, que englobam uma população de 60 milhões.

Ampliar a área de cobertura é um dos objetivos do setor em 2010. Tão ou mais importante que isso, no entanto, é possibilitar o uso da interatividade e desfazer equívocos relacionados à TV digital, segundo a coordenadora do módulo de promoção do Fórum do Sistema Brasileiro de TV Digital, Liliana Nakonechnyj.

Interatividade

No primeiro caso, Liliana afirma é possível haver novidades em poucos meses. “A expectativa é de que o recurso da interatividade esteja disponível no primeiro semestre de 2010”, afirma. Embora ainda não haja um prazo definido, o Fórum trabalha no momento na definição das funcionalidades que serão embutidas no Ginga, o software da interatividade. De acordo com esse plano, haverá dois perfis para a interatividade.

Um deles será equipado com recursos básicos e  será destinado ao consumidor de menor poder aquisitivo. O outro, dotado de uma tecnologia mais avançada, terá preço mais elevado. “Esse trabalho está em andamento. Esperamos concluir a definição dos perfis até dezembro”, diz Liliana.

Equívocos

Se a questão da interatividade é o grande passo a ser dado em 2010, facilitar a compreensão do que realmente é a TV digital é outra meta a ser alcançada. “Dois anos depois do lançamento do sistema, ainda há muitos mitos relacionados à TV digital”, afirma Liliana.

Uma deles é o de que é necessário pagar uma mensalidade para ter acesso à tecnologia. “Muitas pessoas não sabem que podem ter acesso ao sinal de alta qualidade sem ter de pagar uma mensalidade. Pensam que funciona como a TV por assinatura”, afirma.

É por essas e outras razões que o Fórum do Sistema Brasileiro de TV Digital veiculará no início do ano que vem uma nova campanha, que será veiculada na mídia de massa.   As peças publicitárias mostrarão como funciona o sistema e destacará seus benefícios.

Extraido de idgnow

Anúncios